terça-feira, 7 de julho de 2009

Especiaria do mês de julho - noz moscada



Informações gerais

Nome científico: Myristica fragrans
Família: Myristicacea

A noz moscada cresce em uma árvore nativa das ilha Molucas na Indonésia. Ela é o interior do caroço de uma fruta parecida com uma nectarina. A fruta madura se abre e revela uma linda membrana vermelha que envolve o caroço que se chama arilo ou maciz e também é uma especiaria - falei sobre ela aqui!

O caroço é separado da membrana e colocado para secar, quando depois de algumas semanas é quebrado e perde sua camada brilhante mais externa revelando a noz moscada como compramos no mercado.

Os maiores produtores hoje em dia são a Indonésia e a ilha de Granada no Caribe.


Utilização na gastronomia - como e onde usar

É umas das especiarias mais usadas na culinária do mundo todo.

Normalmente é encontrada inteira e ralada antes do uso. Ela perda rapidamente seu sabor quando moída.

É usada tanto em doces quanto em salgados, mas sempre em pequena quantidade.

Seu mais famoso uso é para aromatizar molhos brancos e pratos à base de creme de leite.

Combina com queijos, raízes como a batata e cenoura e carne brancas: vitela, peixes e frango.

Neutraliza o sabor metálico do espinafre e combina muito bem com massas.

No mundo todo é muito usada também em confeitaria e em sobremesas, dando sabor a bolos, tortas, biscoitos e cremes. Experimente colocar uma pitada na gemada, mingau ou canjica.

Eu gosto muito de adicionar um pouquinho no chocolate quente!

A fruta da moscadeira tem sabor ruim in natura, mas é usada na Indonésia cristalizada ou em picles.


Como comprar/cuidados

Ao comprar verifique se o caroço está intacto e sem furos. Uma noz fresca deve ter seu interior bem oleoso, indicando que ela está nova.

Quando comprada moída muitas vezes é misturada a amido, que facilita a moagem. Isso não é indicação de má qualidade, mas você está pagando pela parte que é amido também.

Verifique seu aroma que deve ser forte e sem odor de mofo.


7 comentários:

  1. É ótimo ralar em cima de uma pequena taça com Baileys

    ResponderExcluir
  2. muiuto interessante aprendi muito como estou cursando o curso de gatronomis isso me ajudou

    ResponderExcluir
  3. Aprendi a apreciar noz moscada e empregá-la na culinária com minha mãe, que era uma cozinheira excelente e muito requisitada nas festas de fim de ano pela elite da sua cidade. Naquela época quando não tinha a facilidade de grandes empresas para fornecer perus, suínos e carnes em geral, minha mãe era muito disputada para estar preparando os assados dos banquetes, e a noz moscada era uma especiaria muito usada por ela. Embora apreciando a noz moscada nunca tinha visto uma imagem do fruto in natura.

    ResponderExcluir
  4. liliuferraz_8@hotmail.com12 de novembro de 2012 23:33

    Adoro a noz moscada em molhos brancos e carnes de porco. Aprendi tbm. com minha mae a usar em chás, para dor de cabeca, com café é otimo para cólocas menstruais, uso tbm para mal estar estomacal. É um santo remedio.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também aprendi a usar como chás, com minha mãe. E em massas de bolos.

      Excluir
  5. Faltou falar do envoltório da noz moscada: macis ...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não faltou não Marian, a postagem do macis está aqui: http://www.aromasesabores.com/2009/07/maciz-arilo-de-noz-moscada.html

      Excluir

Oba!! Comentários bem temperados são sempre benvindos!

Atenção - como todos os comentários são moderados ele podem demorar para aparecer. Nâo serão publicados aqueles com links ativos ou que visam a propaganda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...