segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Sanduíche de frango frito

Sanduíche de frango frito


Indecente de bom gente! Pena que não dá para comer e fazer fritura toda hora.

Outro dia assisti um programa de TV sobre um chef francês que se apaixonou pelo frango frito americano e abriu lanchonetes especializadas nesse lanche na Califórnia. Como eu não consegui atravessar a tela da TV para agarrar um sanduíche nem tenho como ir aos States tão cedo para provar o sanduba dele, precisei ir para a cozinha correndo para fazer do meu jeito mesmo e matar o desejo.

Já que fazer fritura é uma ocasião rara e especial por aqui, reuni os amigos para comer também. O frango frito foi aprovado por unanimidade, ficou muito saboroso, macio, suculento e crocante por fora. Dá para colocar no pão, comer como petisco ou como refeição com arroz e tal.

Eu saciei minha vontade momentaneamente, mas a imagem do sanduíche original continua a me assombrar.


Ingredientes para minha versão

1 kg de filé de peito de frango
1 embalagem de iogurte natural
2 colheres de sopa de suco de limão
6 dentes de alho amassados
1 colher de sopa de sal (colher medida ou uma colher rasa) - ou a gosto
1/2 colher de sopa de orégano
1 colher de chá de páprica
1/2 colher de chá de pimenta do reino - ou a gosto
2 xícaras de farinha tipo panko - para empanar
2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado fino
1 pitada de sal
Óleo para fritar em imersão
Pão de hambúrguer
Alface, tomate, queijo, molhos a gosto


Como fazer

Corte o peito de frango ao meio no sentido da largura, formando quase que dois quadrados. Coloque cada pedaço entre folhas de filme plástico e bata um pouco com um martelo de carne para que fique um pouco mais fino e uniforme. Não bata demais, eu gosto do meu sanduíche bem caprichado. Se quer fininho basta ir a uma lanchonete de fast food.

Misture o iogurte natural com o suco de limão, alho, sal, orégano, páprica e pimenta do reino. Junte o frango e misture bem. Deixe o frango marinando de um dia para o outro na geladeira.

Misture o panko com o parmesão e a pitada de sal.

Na hora de fritar passe bem o frango na farinha panko.

Frite em óleo preaquecido em torno de 180° até dourar. Escorra em papel toalha.

Monte os sandubas e sirva com os complementos a gosto. Nós comemos com molho de gorgonzola, alface e tomate e um vinagrete de limão. Passarei as receitas em outra postagem.


Frango frito para sanduíche


Dicas / Substituições

No sanduíche americano tradicional costuma-se usar farinha de trigo para empanar. Eu preferi fazer com panko porque tinha aqui e gosto do resultado. Mas se você quiser pode substituir.

A marinada de iogurte é essencial para deixar seu frango suculento e macio. Não pule essa parte!

Os temperos podem ser a gosto.



terça-feira, 21 de novembro de 2017

Receita de sopa de legumes verdes sem adição de gordura

Sopa de legumes verdes sem gordura


Sei que o verão já está chegando, mas aqui em casa gostamos de uma sopinha em qualquer dia, mesmo que tenha de ligar o ar condicionado depois! Essa receita é bem leve e saudável, é zero gordura, é rica em fibras e tem pouco carboidrato. Pode ajudar quem está de regime e pode ser degustada morna ou fria se preferir.

É como uma versão salgada do suco verde! Me inspirei nele para fazer essa receita.


Ingredientes

2 chuchus sem casca e cortados em 4 partes
2 abobrinhas médias bem lavadas cortadas em 6 partes
1/2 repolho verde pequeno cortado em 4 partes
1/2 de pimentão verde pequeno sem sementes
1 alho poró  - somente a parte branca - cortado em rodelas
1 cebola média sem casca cortada em 4 partes
2 dentes de alho sem casca
1 fatia de gengibre
1/2 xícara de folhas de espinafre
Sal e pimenta do reino a gosto
3 ramos de salsa fresca bem lavada

Como fazer

Coloque em uma panela grande o chuchu, abobrinha, repolho, pimentão, alho poró, cebola, alho e gengibre e cubra com água. Leve ao fogo e cozinhe até que os legumes fiquem macios.

Junte o espinafre e deixe ferver por 1 minuto.

Deixe a sopa esfriar um pouco. Retire e descarte o gengibre.

Transfira a sopa aos poucos para o liquidificador e bata com a salsa até que a sopa fique lisa e homogênea.

Tempere com sal e pimenta a gosto.

Deguste! Se não estiver de regime, sirva com croutons!


Dicas / Substituições

Tempere a gosto. com ervas e especiarias.
Use outros legumes verdes que estiverem disponíveis.

sexta-feira, 20 de outubro de 2017

Sacolé de morango natural, feito com a fruta fresca

chupa chup


Faz tempos que venho perseguindo os sacolés, agora também bem cremosos e em versões "gourmet". Amo um sorvetinho e quando o verão vai se aproximando então, doces gelados viram fixação!

Outro dia encomendei uns sacolés deliciosos de uma aluna que me inspiraram a fazer o meu. Como ando com um desejo, ainda controlável, de me empanturrar com um pote inteiro de Hagen Dazs de morango, o sabor escolhido não poderia ser outro.

Ficou maravilhoso, é bem fácil de fazer, leva somente 3 ingredientes, mas é bem gordo e doce, quase uma musse congelada, e não rende muito. Prometo trazer versões de din din mais light para o verão. E também mais baratos, já o que os morangos estão fora de época.

Aproveitando a deixa, me conta aí em baixo como é chamado o sacolé na sua cidade!


Ingredientes

1 caixa de morangos frescos, lavados e sem as folhinhas
1 lata de leite condensado
150 g de creme de leite (lata, caixa ou fresco)

Como fazer

Bata bem todos os ingredientes no liquidificador.

Encha aos saquinhos, dê um nó em cada um e leve ao congelador ou freezer até endurecerem.

Resista para não comer todos de uma vez antes de ficarem prontos!


chupa chup de morango


Dica / Substituições

Use qualquer outra fruta vermelhas no lugar dos morangos (amoras, framboesas, etc.).
Acrescente algumas folhas de hortelã ao bater.
A receita só rendeu 5 saquinhos de 6 cm de largura.
Imagino que você possa usar morangos congelados na receita sem estresse, mas não testei, ok?


segunda-feira, 9 de outubro de 2017

Molho de tomate seco com girassol para macarrão

Molho de tomate seco e girassol


Essa receita de molho eu desenvolvi para comer com o nhoque de batata doce sem glúten que postei outro dia. Lembra dele?

Ele fica sedoso, espesso, saboroso e saudável. E é ainda bem fácil de fazer.


Ingredientes

50 g de tomates secos (sem óleo)
2 colheres de sopa de sementes de girassol
1 cebola picadinha
1 dente de alho picado
2 colheres de sopa de azeite ou óleo
1 colher de chá de orégano
1 colher de chá de cúrcuma
Sal e pimenta-do-reino a gosto


Molho de tomate seco e girassol


Como fazer

Deixe as sementes de girassol de molho em água de véspera. Descarte a água antes de usar.

Ferva 1 xícara de água e deixe os tomates secos de molho por 20 minutos ou até que fiquem macios. Escorra e descarte a água. Reserve.

Separadamente refogue a cebola e o alho em uma panela com o azeite.

Em um liquidificador processe as sementes de girassol, os tomates secos hidratados, 1 xícara de água e os temperos refogados até que forme um molho homogêneao e sem pedaços.

Coloque o molho em uma panela, ferva e tempere com a cúrcuma, orégano, sal e pimenta. Deixe ferver e sirva. Caso o molho fique muito espesso acrescente mais água aos poucos e mexa, até dar o ponto desejado.

Sirva com nhoque ou com a massa de sua preferência.


Dicas / Substituições

Tempere seu molho a gosto.


segunda-feira, 2 de outubro de 2017

Receita de pão de alho para churrasco ou petisco



Um pedaço de pão de alho bem temperado, quentinho e recém saído do forno ou da churrasqueira me faz esquecer que ele é uma entrada. Dispenso até os acompanhamentos mas o pão de alho não. Contanto que ele seja bem feito, claro!

Essa última leva que fiz outro dia misturando vários ingredientes que tinha em casa renderam uma receita bem bacana e incrementada que estou passando para vocês.

O segredo do meu pão de alho, além do sabor, é passar a pasta no pão de véspera e deixá-lo na geladeira até a hora de assar.

Também gosto muito do corte em "fatias" como nesta outra receita AQUI.


Ingredientes

100 g de manteiga amolecida
100 g de maionese
6 dentes de alho amassados
1/2 xícara de cheiro verde picadinho
1/2 colher de chá de coentro em grãos moído
1/2 colher de chá de orégano
2 colheres de sopa de azeite
2 colheres de sopa de queijo parmesão ralado
Pão francês cortado ao meio (ou em tiras como mostra a foto)

Como fazer

Misture bem todos os ingredientes ou bata em um liquidificador ou processador. Salgue a gosto se necessário. Passe generosamente no pão e leve ao forno ou churrasqueira até que toste a gosto.


Dicas / Substituições

Utilize o tipo de pão que desejar. O pão de alho pode ser macio pouco tostado ficando macio por dentro ou você pode tostar mais e fazer torradinhas de alho. Com pão árabe ficam ótimas!
Use a pasta de alho para batata assada, legumes ou até mesmo em uma massa.

E você como faz seu pão de alho? Conta aí, vou adorar saber!


segunda-feira, 25 de setembro de 2017

Nhoque de batata doce sem glúten e sem lactose



Eu não curto batata doce, mas transformada em nhoque e servida com um molho caprichado eu até que gosto. Esses nhoques ficam muito macios e com sabor característico da batata e basta caprichar no molho para ter uma refeição completa e nutritiva. Depois em outra postagem vou passar a receita de molho de tomate seco e girassol para vocês.


Ingredientes para o nhoque

4 unidades médias de batata doce
80 g de fécula de batata
1/2 colher de chá de sal (ou a gosto)
noz moscada a gosto

Como fazer

Cozinhe as batatas doces com casca até que fiquem macias. Escorra as batatas ainda quentes e deixe que esfriem um pouco descobertas, não abafe para que não suem.

Esprema as batata como que para fazer um purê.

Misture as batatas ainda mornas com a fécula, o sal e a noz moscada formando uma massa homogênea. Deixe esfriar coberta com papel. Outra vez não abafe.

Faça rolinhos com a massa e corte com uma faca como mostra a foto abaixo. Se desejar marque cada nhoque com uma faca.


Nhoque de batata doce sem glúten


Ferva dois litros de água com um pouco de sal em uma panela. Coloque os nhoques aos poucos para cozinhar. Quando subirem à superfície estão prontos. Retire-os com uma escumadeira.

Sirva com o molho de sua preferência: bolonhesa, tomate, molho pesto, ou o molho que quiser.


Dicas/Substituições
Caso a batata doce esteja muito aguada, junte um pouco mais de fécula até dar o ponto.
Caso a batata doce esteja muito seca use menos fécula, ou adicione azeite aos poucos até que a massa fique mais úmida e maleável.


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...