segunda-feira, 16 de maio de 2011

Sais gourmets diversos


Fiquei louca quando vi que estavam distribuindo esses mini potes de sais gourmets variados em uma feira de alimentação que fui faz uns anos! Não me aguentei e voltei ao stand várias vezes até conseguir alguns vidrinhos diferentes! Não são lindos? Não tive nem coragem de abrir até hoje!

Já estou faz tempo para escrever essa postagem sobre os sais gourmet! O que me lembrou e me deu um empurrãozinho foi a matéria sobre sais do Figos & Funghis que a Fabi escreveu. São muitos os sais especiais e aqui estão somente os que já provei.

Provei de todos os tipo de sais na feira e várias vezes porque tive que disfarçar para ganhar os vidrinhos... O que achei mais interessante é o sal havaiano chamado de Alea que é um sal marinho adicionado de argila, por isso ele fica com a cor bem avermelhada, de barro mesmo, é rico em sais minerais, principalmente o ferro. O sabor é ligeiramente terroso e no Havaí é usado em rituais religiosos e também na gastronomia para salgar a comida em geral e também preservar carnes.

Também achei incríveis os sais defumados que são colocados sobre o calor do fogo produzido por madeiras nobres. Muitas vezes essa madeira é proveniente de antigos barris onde foram envelhecidos vinhos diversos conferindo ao sal aromas e sabores diferentes. O sal defumado pode ser usado em diversos tipo de comida e adiciona obviamente um sabor defumado aos pratos onde é utilizado.


Flor de sal de Trapani, produzido na Sicília - Itália. Como o sal está guardado aqui em casa faz tempo ele está um pouco empedrado, mas acho que dá para perceber que apesar de seus cristais serem grandes ele é diferente e muito mais delicado que o sal grosso.

O sal dessa região não é tão conhecido como o de Guérand na França, o mais famoso dos sais gourmet, mas é muito conceituado também. Como toda flor de sal, é colhido manualmente da superfície das salinas. Seus grãos são irregulares e de textura crocante. Seu sabor é... salgado! E seu preço mais ainda!

Sinceramente não vejo muita diferença entre seu sabor e o do sal comum, a textura sim é interessante mas somente até o sal derreter, por isso não desperdice sua "fleur de sel" derretendo-a no fogo!

A flor de sal é usada na finalização dos pratos, ou seja, é usada para dar um toque especial aos pratos após o cozimento sendo polvilhado sobre a comida antes dela ser levada à mesa. Pode ser usado em tudo - carnes grelhadas, saladas, massas e até em doces como chocolates ou caramelos.

O Brasil já produz sua flor de sal no Rio Grande do Norte - veja aqui.


A foto acima é do sal negro indiano, de nome kala namak, que é uma mistura de vários minerais.

Suas pedras são lindas de cor rosada e preta! Mas não se deixe enganar pela foto acima, o sabor do sal é horroroso! Ele tem aroma e gosto forte de enxofre, algo assutador ao meu paladar sensível! Comprei em uma loja indiana em Nova York junto com outras especiarias da minha coleção mas só provei puro junto com uma amiga bastane tempo depois. Ela também detestou...

Os indianos usam o sal negro para dar um toque especial a petiscos salgados, saladas e chutneys e em bebidas como a limonada para ajudar a combater a desidratação. Será que devo prová-lo com um suquinho de limão para verificar seu real potencial?? Estou tentando me decidir quanto a isso faz uns 3 anos...

Quando vendido em pó é normalmente de cor cinza.


O sal acima é o sal do Himalaia. Esse é bonito mesmo e não engana ninguém, tem o gosto do nosso sal comum. É um sal fóssil retirado manualmente de minas nas montanhas do Himalaia, quebrado também com as mãos e seco ao sol.

O que talvez engane seja o misticismo envolvido - dizem que por ser o sal mais puro que existe faz milagres para a saúde! Quanto a isso não sei, mas na cozinha faz sucesso por sua aparência super chique e é usado como a maioria dos sais gourmet, na finalização de pratos.

Ele pode ser vendido refinado, grosso como o meu da foto ou ainda em pedras de todos os tamanhos. Na região onde é extraído são feitas peças de decoração, abajures e outros objetos com ele.

Está querendo temperar sua comida e não sabe qual tempero usar? Veja o índice de especiarias do Aromas e Sabores, as postagens sobre o assunto tem muitas dicas!

7 comentários:

  1. Que feira perigosa! Provar tantos sais maravilhosos deve ter deixado alguns provadores com a pressão alta! rsrsrs
    Adorei seus potinhos de sal e todas as informações que me acrescentou. Belo post!

    ResponderExcluir
  2. Nossa que beleza hein, quantos sais diferentes! Adorei.
    Bjs

    ResponderExcluir
  3. Sais aromáticos e diferentes dão um sabor único ao prato. Pena que não posso nem chegar perto, minha Hipertensão não deixa!...
    Bom dia,
    Ana

    ResponderExcluir
  4. Minha primeira vez por aqui, e estou amando. Deixo meu convite para conhecer o meu blog, se gostar me siga tambem que ficarei honrada.
    Ale

    ResponderExcluir
  5. Oi Adorei seu post sobre sal...
    Fiquei pensando como foi provado todos esses sabores kkk

    Mi

    ResponderExcluir
  6. Meninas,
    Obrigada pela visita! Que bom gostaram.
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Ahhhh...que desilusão!!!Fui logo no indiano, achando que era o máximo!!! esse é daquele tipo "quem vê cara não vê coração"...que coisa!!!! Quando fizer a tal limonada me conta, estou curiosa

    Abraço,
    Boa Noite!

    ResponderExcluir

Oba!! Comentários bem temperados são sempre benvindos!

Atenção - como todos os comentários são moderados ele podem demorar para aparecer. Nâo serão publicados aqueles com links ativos ou que visam a propaganda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...