terça-feira, 23 de outubro de 2012

Açafrão



Crocus sativus - família Iridaceae

Antes de falar do açafrão, vou fazer um pedido! Vamos evitar chamar a cúrcuma de açafrão? Chamá-la de  de açafrão-da-terra ainda vá lá, mas de açafrão? Nós blogueiros, chefs e jornalistas temos a obrigação de não confundir os leitores e comensais! A confusão do nome é só em Português, nos outros idiomas não há isso. A cúrcuma não é um substituto para o açafrão verdadeiro, ela é uma outra especiaria, com características muito diferentes.

O que é o açafrão então?

O açafrão é o estigma dessa flor de cor lilás, cuja foto foi emprestada desse ótimo site sobre especiarias em inglês. Dá para ver as "tirinhas" vermelhas? É ele!!




Dá para perceber também que cada flor tem somente 3 estigmas(as tirinhas vermelhas, o órgão reprodutor da flor)? Então, são necessárias mais ou menos 200.000 flores para produzir 1 kg de açafrão. Por isso é o tempero mais caro que existe. Aqui no Rio de Janeiro uma embalagem de 3 g costuma sair por uns R$ 16,00.

A flor, que cresce rente ao chão, é colhida manualmente e os estigmas são separados também de forma manual. Imagina só separar cada um deles...

Depois de separados são secos em pequenas quantidades em peneiras sobre o fogo baixo, onde perdem aproximadamente 80% de seu peso.

Depois desse trabalho todo, o povo vai e chama a cúrcuma de açafrão! Entende agora o meu pedido?

A planta é cultivada principalmente no Irã, que produz grande parte do açafrão mundial, apesar da Espanha ter toda a fama. Espanha, Grécia, Irã e Itália produzem açafrão de boa qualidade. O açafrão, como muitas das especiarias, têm classificações, o “Sargol” iraniano e o “Coupe” espanhol são considerados os melhores. Há ainda o mais raro e mais caro açafrão da região do Himalaia.

Ele é cultivado desde 2.300 AC e já foi usado como cosmético, Cleópatra lavava seu rosto com ele, como corante e na medicina.


Falsificação e subtituitos

O açafrão é o condimento mais adulterado e falsificado. Na idade média já existiam leis e quem falsificasse o açafrão era queimado ou enterrado vivo. Se isso fosse aplicado hoje em dia...

Se o açafrão inteiro já é falsificado até com cabelo de milho tingido, imagine o açafrão moído.

Muitos restaurantes finos utilizam um corante em pó importado no lugar no açafrão vedadeiro, eu já vi! O que me faz lembrar de uma história engraçada... Uma vez fiz paella para uma amiga descendente de espanhóis que disse que levaria o "açafrão" que trouxe de viagem, que era especial e ela só usava esse. Fiquei super excitada à espera da especiaria. Quando chegou era um saquinho de papel com um pó avermelhado dentro. Desconfiei na hora e fui ler o rótulo: "corante artificial". Ela demorou para acreditar, disse que é isso que a família dela consome na Espanha como açafrão... Bem, pelo menos não era cúrcuma!


Utilização do açafrão na culinária

Ele é essencial em paellas, risotos, sopas e pratos tradicionais do mediterrâneo e Europa. 

Combina com arroz, batatas, ovos, cogumelos, etc. 

É normalmente mais utilizado com carnes brancas para que sua cor sobresaia: frango, frutos do mar e peixes. Mas seus aromas e sabores combinam com todas as carnes.

Pode ser usado também para fazer bolos, pães e biscoitos.

Na cozinha indiana e de alguns países árabes ele aromatiza sobremesas cremosas como arroz doce, sorvetes, caramelos, etc.

O açafrão deve ser adicionado a um líquido para que solte sua cor, aroma e sabor. Para melhor extração deixe-o de molho por aproximadamente 15 minutos antes do preparo do prato.

Ao cozinhar demais o açafrão perde seu aroma. Então o ideal é adicionar parte do açafrão no começo do cozimento para melhor extração da cor e o restante ao finla do cozimento para dar o aroma.

O açafrão pode ser diluído em qualquer líquido: água, caldo, leite, álcool, suco ácidos, etc. E por ser solúvel em água, não deve ser misturado diretamente em gordura, onde não se dissolve bem.

Para preparações sem caldo, prefira o açafrão moído, que é mais concentrado, por isso deve ser usado em menor quantidade.


Como comprar e escolher

O melhor açafrão é de cor vermelho intenso, sem traços amarelados ou brancos, que são outras partes da planta e são incluídos em açafrão de qualidade inferior. Veja na foto como esse tem partes amareladas, não é o de melhor qualidade.

Para escolher, além da cor vermelha, verifique se os estigmas estão secos e quebradiços e caso consiga cheirar verifique se seu aroma é intenso e fresco, sem cheiro de bolor.

Estigmas grudados podem significar que foram secos unidos, o que é prejudicial a sua qualidade e ao seu tempo de prateleira.

O poder de coloração do açafrão varia, quanto maior esse poder, melhor sua qualidade. Existem padrões mínimos de coloração, regulamentados pelo ISO, que é de 190 unidades de cor. Verifique a embalagem.

Compre açafrão de marca e de fornecedor conhecido e evite comprar em pó.


Onde comprar

Aqui no Rio são vendidos em supermercados mais caros e em lojas tipo delicatessen.

Para comprar pela internet você pode tentar as lojas dessa lista aqui.



14 comentários:

  1. por favor poderia indicar locais para compra do acaferao verdadeiro?? grata Luzia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luzia, on line tente a Bombays. Eles tem site.
      abçs

      Excluir
  2. Agora sim aprendi e não falo mais que faço arroz com açafrão, e sim com cúrcuma, isso me causava grande confusão e todo artigo que lia me deixava mais confusa. Obrigada pelo esclarecimento e vou usar e abusar da cúrcuma!
    Yalú

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada Yalu! abuse sim, a cúrcuma é um ótimo tempero e faz bem à saúde!
      bjs

      Excluir
  3. Boa tarde, muito bom o seu artigo sobre o açafrão para evitar mais confusões. Um detalhe, você falou que está pagando R$16 por 3g, quando na verdade são 0,3g. Eu tenho uma loja online de produtos espanhóis e estou com uma oferta de açafrão espanhol com D.O.P. com 20% de desconto, quem estiver interessado pode comprar na www.gourmetiberico.com.br.
    Muito obrigado.

    ResponderExcluir
  4. Muito interessante, sou iniciante e comprei um c nome de açafrão da terra mas como foi barato, já sei que se se trata da dona cúrcuma e que não acho açafrão em qualquer lugar!

    ResponderExcluir
  5. Adorei toda a aprendizagem, obrigada e votos de muito sucesso! Beijinho

    ResponderExcluir
  6. Aqui na minha cidade, na feira livre, comprei essa da cor laranja escura, como açafrão da terra. Estou usando na comida, como se fosse colorau. Gostei, e sabendo que é bom para a saúde, vou continuar usando, sim. Osabor é melhor que o colorau.

    ResponderExcluir
  7. Excelente o seu esclarecimento. Parabéns!

    ResponderExcluir
  8. Aqui na minha cidade vende na feira em saquinhos de 50g por 2 reais! Será verdadeiro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza não é. Deve ser cúrcuma. Veja as diferenças entre essas duas especiarias no link: http://www.aromasesabores.com/2015/03/veja-qual-diferenca-entre-curcuma-e-o.html?m=0
      Abs

      Excluir
  9. Grata pelo esclarecimento, ótimo post!

    ResponderExcluir

Oba!! Comentários bem temperados são sempre benvindos!

Atenção - como todos os comentários são moderados ele podem demorar para aparecer. Nâo serão publicados aqueles com links ativos ou que visam a propaganda.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...